Pré Candidata

Pré Candidata
Deputada Estadual

COMANDANTE-GERAL DA PMMG PROÍBE POLICIAIS MILITARES DO BATALHÃO ROTAM DE COMPARECEREM À ALMG

COMANDANTE-GERAL DA PMMG PROÍBE POLICIAIS MILITARES DO BATALHÃO ROTAM DE COMPARECEREM À ALMG

Por ordem do Comandante-geral da Polícia Militar de Minas Gerais, Coronel Helbert Figueiró de Lourdes, pela segunda vez consecutiva, os policiais militares do Batalhão Rotam são proibidos de comparecem à Assembleia Legislativa de Minas Gerais para receberem os votos de congratulações pelo reconhecimento dos serviços prestados em ocorrências policiais.

Os policiais militares apreenderam 110 quilos de maconha, em 15/2/2018, no Bairro São Geraldo, em Belo Horizonte, droga que seria destinada ao abastecimento do tráfico ilícito de entorpecentes no Bairro Alto Vera Cruz.

No dia 3/5/2018, o deputado Sargento Rodrigues, autor do requerimento para a manifestação de aplauso, agendou a visita dos policiais para receberem os diplomas referentes aos votos de congratulações na Comissão de Segurança Pública, mas eles foram impedidos de comparecer. Na data de hoje, 12/6/2018, os policiais novamente não compareceram à reunião.

Hoje, o Comandante-geral da PM se comporta e atua como se fosse um assessor do governador Fernando Pimentel, do PT. É omisso e conivente em relação às demandas da classe, que está há quatro anos sem a reposição das perdas inflacionárias, há dois anos e meio recebendo salários parcelados e atrasados, além de sofrer as consequências do desvio criminoso de 3 bilhões do IPSM por parte do governo, que está levando ao caos o atendimento à saúde dos militares e seus familiares. Agora, não deixa nem mesmo os policiais do batalhão ROTAM irem à ALMG receberem um reconhecimento pelos trabalhos prestados. Que vergonha, senhor comandante!!!

Compartilhar:
← Anterior Proxima  → Página inicial

Conheça a CPO

Siga no facebook

Siga no facebook
Clique

.

.

Seguidores

Google+ Blog da Renata

.

.

Popular Posts

Arquivo do blog

Tecnologia do Blogger.

Pesquisar este blog

Pages - Menu