Presidente quer rever Código Penal para proteger policiais que executarem criminosos durante combate

Macri quer rever Código Penal para proteger policiais que executarem criminosos durante combate

Por

 Luciano Ayan

 -

 13 de Fevereiro de 2018

ARGENTINA — Em Buenos Aires, a morte de um ladrão que fugiu após esfaquear um turista – de quem tentou roubar a câmera fotográfica – levantou um debate na sociedade argentina. O ladrão foi morto por um policial durante o combate. A polarização ideológica veio a tona.

O caso ficou conhecido como “Chocobar”, nome do policial envolvido. O ladrão se chamava Pablo Kukoc, tinha 18 anos e feriu gravemente o turista que assaltou antes de sair correndo. Ao ver o bandido fugir, o policial disparou duas vezes e o acertou nas costas.

O juiz responsável pelo caso considerou que o policial abusou de sua autoridade e determinou que o policial fosse julgado por assassinato. Foi então que o Executivo entrou em ação.

O presidente Mauricio Macri prepara uma proposta de alteração no Código Penal para proteger os policiais que dispararem contra criminosos pegos em flagrante. Segundo o Ministério da Defesa, de 1984 a 2016, homicídios e sequestros cresceram dez vezes mais que a população.

As informações são da Folha de S. Paulo.

Compartilhar:
← Anterior Proxima  → Página inicial

.

.
.

Conheça a CPO

Siga no facebook

Siga no facebook
Clique

.

.

Seguidores

Google+ Blog da Renata

.

.

Popular Posts

Arquivo do blog

Tecnologia do Blogger.

Pesquisar este blog

Pages - Menu