Polícia do RJ matou mais que a dos Estados Unidos em 2017, diz ONG

A organização não-governamental Human Rights Watch (HRW) lançou na última quinta-feira (18) seu relatório que, anualmente, analisa os direitos humanos ao redor do mundo. O estudo, referente à situação de 90 países no ano passado, aponta que o populismo se enfraqueceu mundialmente. No Brasil, a publicação atenta para grandes problemas de segurança pública – que envolvem facções criminosas – e de violência doméstica. Em 2017, por exemplo, a soma de mortes por policiais no estado do Rio de Janeiro foi maior do que as mortes feitas pela polícia de todo os Estados Unidos.

“Não quer dizer que todas essas mortes são execuções. Existem mortes legítimas e sabemos do alto índice de criminalidade. Mas documentamos muitos casos em que a polícia mata fora de confrontos. A polícia executa o suposto criminoso e acoberta aquela execução que deveria ser investigada, porque excede a atuação legítima”, explica Maria Laura Canineu, diretora da HRW no Brasil. Ela comenta também outros tópicos do relatório. Assista à entrevista na íntegra.

Compartilhar:
← Anterior Proxima  → Página inicial

.

.

Seguidores

Google+ Blog da Renata

.

.

Popular Posts

Arquivo do blog

Tecnologia do Blogger.

*GOVERNO DE MINAS DÁ CALOTE DE 21,1% EM SALÁRIOS DOS SERVIDORES*

*GOVERNO DE MINAS DÁ CALOTE DE 21,1% EM SALÁRIOS DOS SERVIDORES* A Comissão de Constituição e Justiça da Assembleia Legislativa aprovou par...

Pesquisar este blog

Pages - Menu