"Sei que está no sangue o nosso jeito "maluco" de enfrentar. Na hora o instinto de proteção, grita e da nossa proteção esquecemos. E esses heróis desprezados por muitos e ignorados por outros, entrarão numa estatística como números que somos considerados.

Acho que o contrato foi quebrado. Mesmo com o sacrifício da própria vida não pode mais ser tão levado a sério em certos casos, sobretudo quando não se adotam medidas governamentais para capazes de coibir essas recorrentes ações.
Chego a pensar quem está sendo beneficiado com esses roubos que não se tomam atitudes?"

Compartilhar:
← Anterior Proxima  → Página inicial

.

.

Seguidores

Google+ Blog da Renata

.

.

Popular Posts

Arquivo do blog

Tecnologia do Blogger.

Pesquisar este blog

Pages - Menu