Escala do 13º para restante dos servidores de Minas sai na quinta-feira

Segundo o 1º secretário da Assembleia, Rogério Correia, a garantia foi dada pelo secretário Odair Cunha em reunião com representantes da educação

19/12/2017 15:21 - Atualizado em 19/12/2017 18:06

Os trabalhadores da educação se manifestaram na Assembleia nessa segunda-feira - Foto: Sarah Torres
Depois da pressão do funcionalismo público, que fez manifestações e ameaça de greve desde a última sexta-feira, o governo de Minas marcou para quinta-feira a data para divulgar a escala de pagamento do 13º salário dos servidores públicos. A previsão foi anunciada em reunião entre representantes do Executivo, deputados e trabalhadores da educação realizada nesta terça-feira (19) na sede do BDMG.

“O governo marcou reunião com o restante dos sindicatos na quinta-feira para anunciar a escala de pagamento do 13º salário. Até lá, serão feitos os cálculos e o estado vai avaliar o resultado das votações dos projetos de securitização”, disse o 1º secretário da Assembleia, deputado Rogério Correia (PT), que participou do encontro. Segundo o petista, a informação de que o anúncio será na quinta-feira foi passada ao grupo pelo secretário de governo, Odair Cunha (PT).

Em sua página no Facebook, a presidente do Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação (Sind-Ute), Beatriz Cerqueira, também confirmou a data. “Reunião encerrada. O governo anunciará a escala de pagamento do 13º salário em reunião com as entidades sindicais, marcada para esta quinta-feira, dia 21/12, 10 horas”.
A reunião foi marcada no dia seguinte a um protesto do Sind-Ute na Assembleia, onde os representantes da classe conseguiram apoio dos parlamentares na cobrança pelo anúncio do 13º salário. No mesmo dia, nessa segunda-feira (18) mais cedo, os trabalhadores da saúde anunciaram uma greve e o governo anunciou a escala de pagamento do benefício somente para eles.

Na sexta-feira (15), o Executivo anunciou as datas de pagamento para os profissionais da segurança (polícias militar e civil, bombeiros e agentes penitenciários). A data também só saiu depois de a categoria fechar a Praça Sete para manifestação.

Nesta terça-feira, o projeto de lei que permite aos estados vender créditos que tem a receber de contribuintes ao mercado financeiro está na pauta da Câmara dos Deputados. No âmbito estadual, proposta que permite a mesma transação será votada na Assembleia Legislativa.  

Procurado pelo Estado de Minas, o governo não confirmou a informação. Informou apenas que, quando ficar pronta a escala, ela será divulgada.

Compartilhar:
← Anterior Proxima  → Página inicial

.

.

Seguidores

Google+ Blog da Renata

.

.

Popular Posts

Arquivo do blog

Tecnologia do Blogger.

Polícia do RJ matou mais que a dos Estados Unidos em 2017, diz ONG

A organização não-governamental  Human Rights Watch  (HRW) lançou na última quinta-feira (18) seu relatório que, anualmente, analisa os  dir...

Pesquisar este blog

Pages - Menu