Militares que ingressaram na PMMG por meio de liminar estão quase que diariamente sofrendo "discriminação" por parte da instituição.

Resultado de imagem para homem com peito de aço

Nos que ingressamos na PMMG por meio de liminar estamos quase que diariamente sofrendo "discriminação" por parte da instituição.
Já não basta toda a dificuldade em que estamos devido nossa situação, a PMMG procura criar modos infra legais para desrespeitar decisões judiciais, legislando em causa própria.
Nossas liminares garantem direitos iguais aos demais, da mesma forma que temos os mesmos deveres, mas infelizmente estes direitos não são respeitados, e já não sabemos a quem recorrer, pois nem mesmo uma decisão judicial consegue ser respeitada.

O primeiro problema que enfrentamos foi em questão do armamento. Existe um memorando institucional que diz que todos os soldados deste certame CFSD/2016 teriam direito a um kit composto por 1 pistola PT. .40 MD7, nova, e placa balística nova (colete).
Sendo que o estado disponibilizou esse kit para todos os formandos.
 
Todos os novos soldados foram contemplados com esse kit, menos os soldados que estão de liminar, ato totalmente discriminatório, sendo que o candidato mesmo estando de liminar esta garante todos os direitos inerentes aos demais, não sendo aceito este tipo de separação entre candidatos.

A pm com essa decisão coloca em risco a segurança a segurança do proprio policia e de sua familia pois assim que termina o serviço temos que devolver o armamento e ficar rezando para que algo não acontece no caminho para casa e que nenhum marginal nos reconheça.

E o mais importante em questão, o estado disponibilizou o pagamento de todas as indenizações relativas a AJUDA DE CUSTO, e 

Todos os Militares movimentados desta turma receberam durante esta semana estes valores referentes a esta movimentação, somente os militares em situação de liminar não irão receber esta indenização, pois segundo a administração, não possuímos este direito. Entramos em contato com os setores responsáveis  é somente obtivemos respostas negativas.
 
Para justificar tal ato a instituição lançou um memorando através de oficio circular justificando tal ato discriminatório  e ilógico.

Como o estada movimenta o policial, o troca de cidade ele e sua familia, onde temos gastos com mudança como os demais militares e não fazemos jus a indenização prevista em lei?

Só mais uma forma que a instituição arrumou de prejudicar e lesar quem se encontra em situação de liminar.


Gostaria se possivel da sua ajuda, devido a força que você tem no meio policial, para que possamos ser respeitados e que consigamos receber esta indenização, pois estamos passando muita dificuldade financeira, devido a varios gastos de mudança, móveis e até mesmo advogados que pagamos para manter nossa situação de liminar.

Compartilhar:
← Anterior Proxima  → Página inicial

.

.

Seguidores

Google+ Blog da Renata

.

.

Popular Posts

Arquivo do blog

Tecnologia do Blogger.

ESTAVA NA FRENTE DO QUARTEL OBSERVANDO A MOVIMENTAÇÃO DA POLÍCIA MILITAR DA CIDADE PARA REPASSAR INFORMAÇÕES A UMA QUADRILHA ESPECIALIZADA EM EXPLOSÃO DE CAIXAS ELETRÔNICOS

GUARNIÇÃO PM DURANTE PATRULHAMENTO VISUALIZOU INDIVÍDUO COM ATITUDE SUSPEITA DEITADO FINGINDO ESTAR DORMINDO PRÓXIMO A FRENTE DO QUARTEL PM....

Pesquisar este blog

Pages - Menu